Saiba Agora Mesmo Como Recuperar O Credito Devido A Sua Padaria Post (1) - Contabilidade No Morumbi - SP | Roca Contábil

Recuperação de créditos tributários para padarias – Como fazer?

Pagou mais impostos do que deve ao Governo? A recuperação de créditos tributários é sua solução!

Entenda como funciona a recuperação de créditos tributários e como você pode reaver dinheiro pago a mais ao Governo!

A tributação brasileira está longe de ser algo simples… 

Afinal, são diversa especificidades que impactam nos regimes tributários e na apuração dos impostos que devem ser pagos. 

Com isso, uma situação comum é o pagamento de valores maiores do que o realmente necessário. 

Porém, essa situação é reversível e, sim, você pode reaver o que foi pago a mais nos últimos 5 anos para o caixa da sua padaria. 

E é justamente sobre como fazer isso e como evitar a criação de futuros créditos que vamos falar hoje. 

Recuperação de créditos tributários – Como funciona? 

A criação dos créditos, como já evidenciamos, se dá pelo pagamento a maior de tributos, o que pode ter causas como:

  • Ausência de um planejamento tributário; 
  • Apuração inadequada; 
  • Enquadramento tributário inadequado; entre outros. 

É possível realizar a recuperação de créditos tributários que tenham sido gerados nos últimos 5 anos, mediante apresentação de comprovantes de pagamento – por isso, é importante sempre guardá-los. 

Sendo assim, agora vamos mostrar como funciona a recuperação. 

Identificação de créditos tributários 

A primeira coisa é ter conhecimento sobre a existência de créditos a serem recuperados, o que demanda o suporte de um profissional contábil. 

Pois, é ele quem fará uma apuração precisa e minuciosa para realizar essa identificação. 

Contabilidade Para Padaria - Contabilidade no Morumbi - SP | Roca ContábilPowered by Rock Convert

Solicitação de recuperação de créditos tributários 

Tendo feita a identificação, com o auxílio de um contador é hora de realizar a solicitação. 

Esse processos pode ser feito até mesmo de forma online pela Receita Federal, que irá analisar o requerimento. 

Créditos recuperados 

Com os créditos tributários recuperados, é possível dar duas finalidades para eles: 

  1. Reaver o valor para o caixa da sua padaria; 
  2. Utilizar para o pagamento futuros impostos da mesma natureza. 

De toda forma, é um meio de dar fôlego de caixa para sua padaria e evitar prejuízos. 

Práticas para evitar a geração de créditos tributários 

Apesar da recuperação ser possível, o ideal é que a situação de tributos serem pagos em demasia não ocorra, afinal, demanda tempo e cuidado para recuperar, os quais seriam melhores aproveitados na gestão da sua padaria. 

Sendo assim, para evitar isso é preciso de:

  • Um planejamento tributário pensado especialmente para sua padaria; 
  • Suporte contábil constante; 
  • Apuração adequada dos impostos; entre outros. 

De forma geral, ter o apoio de profissionais contábeis é o caminho mais seguro e efetivo para garantir conformidade tributária para sua padaria. 

Conte com a Roca! 

Para tudo isso, nós, da Roca, somos a contabilidade adequada para auxiliar você. 

Nossos profissionais possuem a experiência e expertise voltada para padarias e estamos preparados para dar todo o suporte que você precisa. 

Assim, você tem confiança e tranquilidade para deixar esses detalhes em nossas mãos e consegue focar na gestão eficiente do seu negócio. 

Portanto, não hesite em entrar em contato conosco. Estamos apenas aguardando você!

Summary
Recuperação de créditos tributários para padarias - Como fazer?
Article Name
Recuperação de créditos tributários para padarias - Como fazer?
Description
Pagou mais impostos do que deve ao Governo? A recuperação de créditos tributários é sua solução! Entenda como funciona a recuperação de créditos tributários e como você pode reaver dinheiro pago a mais ao Governo!
Author
Publisher Name
Roca
Publisher Logo

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Recomendado só para você!
Projeto permite parcelamento de dívidas trabalhistas em até 60 meses…